Início » Noticia » Equipe do Hospital do Coração de São Paulo visita unidades de acolhimento da Seaster
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Equipe do Hospital do Coração de São Paulo visita unidades de acolhimento da Seaster

Image: 

Desde o início da pandemia da Covid-19, a Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster) vem adotando inúmeras medidas de segurança nas unidades de acolhimento para as pessoas idosas, assim como, nos espaços de acolhimento do Mangueirão e Mangueirinho, onde atualmente cerca de 300 pessoas em situação de rua estão abrigadas.

Para reforçar ainda mais as medidas adotadas pela Secretaria, a equipe do Hospital do Coração de São Paulo (HCor) visitou as dependências do Mangueirão e do abrigo “Nosso Lar Socorro Gabriel”, para  identificar possíveis necessidades de adaptação, repassar orientações e programar capacitações online para os técnicos que estão atuando na linha frente na proteção dos abrigados. A visita foi fruto de articulação feita em conjunto com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

O enfermeiro e consultor do HCor, Américo Bez Júnior, apresentou a ferramenta Tele-UTI para atender os médicos que estão em plantões nas UPA’s, hospitais e qualquer espaço público que acolha pessoas vulneráveis à Covid-19. “Nós realizamos esse atendimento por meio de videoconferências e linhas telefônicas disponíveis 24 horas conforme a necessidade que o plantonista tenha para resolver as suas dúvidas. Essa ferramenta funciona como uma segunda opinião de especialistas”, explica.

Fortalecimento - A visita da equipe do HCor aconteceu por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (ProadiSUS), do Ministério da Saúde, que colabora com o fortalecimento do SUS em todo território nacional. “É um programa de educação continuada aos profissionais da saúde para que eles melhorem a abordagem e com isso a gente consiga ter mais sucesso nos desfechos relacionados aos pacientes com Covid-19”, pontua.

A visita do programa ao estado do Pará é uma ação integrada entre a Seaster e Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). “São duas secretarias que estão juntas na gestão pública para acolher as pessoas mais vulneráveis na questão da saúde e também na questão socioeconômica. Por isso, a assistência social se agrega aos serviços de proteção à saúde para que possamos oferecer uma proteção mais integral para esse público”, explica a diretora de Assistência Social da Seaster, Verena Arruda.

Equipamentos – A Secretaria também está ampliando o fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para as equipes que atuam nas unidades de acolhimento à pessoa idosa.

O abrigo Lar da Providência já recebeu aproximadamente 6.000 unidades de máscaras descartáveis, 50 unidades de protetores faciais e 80 unidades de óculos de proteção. O mesmo quantitativo já foi entregue no Nosso Lar Socorro Gabriel. Os abrigos de Waraos e mulheres vítimas de violência, gerenciados pelo Estado, também têm recebido doações de máscaras de tecido através de uma parceria com a Secretaria de Planejamento e Administração (Seplad).